MÊS MISSIONÁRIO

MÊS MISSIONÁRIO

Estamos no mês missionário. Toda missão de evangelização depende do amor. Primeiro, a Deus e, depois, ao outro que está próximo de mim. Não se evangeliza sem amor, na realidade ele e a porta aberta para toda conversão, ou seja, mudança de vida. Não basta falar de amor pois é preciso ter atitudes de caridade.

Amar em gesto concreto; na acolhida; numa presença alegre e cheia de esperança; na escuta e na palavra assertiva. Mas, diante das contrariedade, o amor se expressa de forma virtuosa. O amor sempre será a melhor resposta e atitude quando a vida, nas situações concretas e humanas, extrair de nós o ódio, a raiva, a indiferença e a rivalidade. Nada pode abafar uma atitude de caridade.

Enquanto o ódio gera morte, o amor gera a vida.

Patriarca Dom Paulo Nunes