Coragem, Confiança e Perseverança em tempo de Pandemia

Coragem, Confiança e Perseverança em Tempo de Pandemia

 “ É isso o que constitui a vossa alegria, apesar das aflições passageiras a vos serem causadas  ainda por diversas provações, para que a prova a que é submetida a vossa fé (mais preciosa que o ouro perecível, o qual, entretanto, não deixamos de provar ao fogo) redunde para vosso louvor, para vossa honra e para vossa glória, quando Jesus Cristo se manifestar” (1Pe 1. 6-7 ).

   Todos os cristãos enfrentam tais tentações, quando permitem que sua luz brilhe em meio a escuridão. Devemos aceita-las como parte do processo de refinamento, que queima as impurezas e nos prepara para encontrar a Cristo. Quando o ouro é aquecido, as impurezas no topo e podem ser retiradas. Da mesma maneira, nossas provações, dificuldades e perseguições refinam e fortalecem nossa fé, tornando-nos úteis para Deus. Quero como Bispo Eleito, nesta Quinta-Feira, lhe pedir para agir diferente com uma pergunta corriqueira em nosso meio. Em vez de você perguntar: Por que eu? Ao longo desse tempo de pandemia e os próximos anos vindouros você deve responder ao tentações, sofrimentos e perseguição com 3 conjuntos de reações:

   Primeiro – a confiança de que Deus conhece, planeja, e orienta nossa vida para o bem. As vezes é difícil entender, mas Deus sempre nos proporciona seu amor e sua força. Então, repita com Dom Junior ao longo do dia: Deus nos conduz a um futuro melhor.

   Segundo – a perseverança, diante de tristeza, ira, angustia e dor. Infelizmente, irmão e irmã, em Cristo Jesus, o mundo está passando por estes sentimentos. Mas como Bispo digo a você, que está lendo essa reflexão. Nós expressamos, muitas vezes, nossa dor e tristeza, mas não cedemos a amargura, a ira, a loucura, a intolerância, a inimizade, ao ódio, e muito menos ao suicídio ou levantar nossas mãos para derramar sangue alheio. Seja, sempre, portador da paz em qual quer circunstancia que se encontrar. Preste atenção: o mundo está precisando, muito, do seu espírito de paz. Chegou sua hora de dizer que é um portador da paz.

   Terceiro – A coragem, porque, com Jesus como irmão e Salvador, não precisamos sentir medo. Aquele que sofreu por nós não nos abandonará. Jesus nos acompanha em meio a pandemias, guerras, secas, tempestades, tragédias, etc.

    Que seu dia seja repleto de muito amor, alegria e paz. Deus te abençoes em Nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

+Dom Júnior de Jesus